Aço Inox

  • O que é?
    • O que é?

      Pela definição técnica Inox é:

      Um tipo de aço contendo, pelo menos, 11% de cromo, com composição química balanceada para ter maior resistência à corrosão.

      Mesmo sem percebermos, o aço inox está presente em nosso dia-a-dia diretamente, em forma de talheres, baixelas, eletrodomésticos ou indiretamente, na indústria automotiva, na industria em geral (arquitetura, laticínios, bebidas, bens de capital, produção de açúcar, álcool, etc). E cada vez que escolhemos um produto em inox, estamos levando muito mais do que beleza e durabilidade ás nossas casas.

      Por ter uma superfície lisa e pouco porosa, os aços inox são extremamente higiênicos. Por isso, são largamente empregados em restaurantes, cozinhas industriais, hospitais e laboratórios.

      O aço inox é neutro em relação aos alimentos, isso quer dizer que, mesmo em contato por tempo prolongado, nem o sabor, nem a cor e tampouco o aroma dos alimentos e bebidas são alterados.

      Devido às suas características, o aço inox não descasca, não escurece com o tempo e não requer técnicas complicadas para ser mantido sempre bonito.

      A resistência do aço inox permite sua utilização em temperaturas baixas e altas, do freezer ao forno, sempre com a mesma eficiência.

      Esteticamente, o aço inox é um material versátil, sempre atual, combinando com cores e estilos variados.

      Os aços inoxidáveis são resistentes à corrosão devido ao fenômeno da passividade. Os elementos de liga presentes nos aços inoxidáveis reagem com muita facilidade com o meio ambiente e um deles em particular, o cromo, ajuda a formar um filme fino e aderente, que protege o material de subsequentes ataques corrosivos. Esse filme é conhecido como filme passivo ou camada passiva, extremamente fina, contínua, estável e resistente, ela se forma sobra a superfície do aço inox o protegendo contra as corrosões. O filme passivo dos aços inoxidáveis resulta da reação entre o material e a água, sempre presente no meio ambiente (a umidade do ar condensa sobre a superfície fria do metal). O produto dessa reação é um oxi-hidróxido de cromo e ferro. Na região mais próxima da superfície metálica predomina um óxido, e na região mais próxima ao meio ambiente predomina um hidróxido. Com o decorrer do tempo, a camada de óxido aumenta, não acontecendo o mesmo com a de hidróxido e, aparentemente, existe um enriquecimento do filme passivo.

      Apesar de invisível, estável e com espessura finíssima, essa película é muito aderente ao inox e tem sua resistência aumentada à medida que é adicionado mais cromo à mistura. Devido a estas características, os aços inoxidáveis são capazes de formar filmes passivos em uma grande variedade de meios, o que explica a versatilidade do material utilizado em grande quantidade de aplicações.

      Outros elementos como níquel, molibdênio e titânio, por exemplo, permitem que o inox seja dobrado, soldade, estampado e trabalhado de forma a poder ser utilizado nos mais variados produtos. A seleção correta do tipo de inox e de seu acabamento superficial é importante para assegurar uma longa vida útil ao material.

  • Atributos
    • Principais atributos do aço inox

      • Resistência à corrosão;
      • Resistência mecânica superior aos aços baixo carbono;
      • Facilidade de limpeza / baixa rugosidade superficial;
      • Aparência higiênica;
      • Material inerte: não modifica cor, sabor ou aroma dos alimentos;
      • Facilidade de conformação;
      • Facilidade de soldagem / união;
      • MantÊm suas propriedades numa faixa muito ampla de temperatuas, inclusive muito baixas (criogênicas);
      • Acabamentos superficiais variados;
      • Forte apelo visual (modernidade, leveza e prestígio);
      • Relação custo-benefício favorável;
      • Baixo custo de manutenção;
      • Material 100% reciclável.
  • Dados Químicos
    • Dados Quimicos
  • Resumo das normas
    • Tabela Normas